Título e Capa 3
Escrita / Enredo 3
Originalidade 2
Personagens 3
Final 5

Recentemente foi lançado na netflix mais um filme original, intitulado iBoy, que para quem não sabe o filme foi adaptado do livro de mesmo título escrita por Kevin Brooks. Então antes mesmo de assistir o filme, vocês se perguntam porquê esse nome tão manjado? Eu respondo pra vocês: iBoy é um filme de um garoto ..

Summary 3.2 good
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 bad

Crítica: iBoy Netflix

iBoy Filme NetflixRecentemente foi lançado na netflix mais um filme original, intitulado iBoy, que para quem não sabe o filme foi adaptado do livro de mesmo título escrita por Kevin Brooks. Então antes mesmo de assistir o filme, vocês se perguntam porquê esse nome tão manjado? Eu respondo pra vocês:

iBoy é um filme de um garoto nada popular chamado Tom (Bill Milner), que vê a garota que ele gosta Lucy (Maisie Williams) sendo agredida e tenta parar os bandidos, mas por medo ele acaba correndo dos bandidos e, enquanto corre, ele tenta ligar para a polícia, só que ele acaba sendo atingido, junto com seu iPhone, por um tiro. Se vocês pensam que enchi vocês de spoilers, fiquem tranquilos, pois essas cenas acontecem no “prólogo” do filme. Algo que achei simplesmente demais, pois eles encurtaram bem a trama até o momento chave do filme.

Após o “acidente”, Tom fica em coma por 10 dias, até acordar com algo surpreendente novo: ele acorda com super-poderes. Mas não são poderes como o homem-aranha tem, ou outro herói qualquer, Tom ganha um poder incomum: ele pode se conectar com qualquer aparelho eletrônico com o poder de sua mente.

Enfim, depois de explicar um pouco sobre a trama, você deve estar se perguntando o que há de novo nesse filme. Então, eu “vos” respondo: Não há nada de novo. Nem a maneira que ele adquire seus poderes nem mesmo seu objetivo após ganhar seu novo dom. Após ter seus novos poderes (adquiridos de maneira nada comum) seu principal objetivo é se vingar da gangue que fez mal a ele e a sua “crush”. Nem mesmo na metade do filme, quando ele decide limpar a cidade (após um comentário de Lucy) é algo novo.

Mas aí você se pergunta se o filme não tem nada de novo, por que eu devo assistir?

Mesmo o filme não sendo tão original, ele consegue te envolver na trama. Pois o personagem é muito cativante e algumas tramas internas te chamam a atenção, que não vou falar quais são para não perder toda a graça, e que te prendem e te deixam um pouco ansiosos pelo que virá nos momentos seguintes. Espero que após a adaptação feita e lançada pela netflix, possamos ser agraciados com a tradução do livro, pois mesmo o filme não consiga agradar a todos, eu particularmente gostei muito, principalmente algumas revelações e detalhes deixados no ar no final do filme.

Esse lançamento da netflix não foi algo que vai angariar muitos fãs, mas que consegue cumprir seu papel, ainda mais pelo fato de ser uma adaptação de um livro, algo que gosto muito, pois ajuda muito a auto-estima dos escritores.

Por hoje é isso. Não se esqueçam de deixar um comentário falando sobre o que acharam do filme e da resenha. Se inscrevam em nosso site e sigam nossas redes  sociais.

 

CRÍTICA DO FILME IBOY ORIGINAL NETFLIX.

Related posts

Resenha: Quando Fazemos História (When We Rise)

Resenha: Quando Fazemos História (When We Rise)


Resenha: Quando Fazemos História (When We Rise)

QUANDO FAZEMOS HISTÓRIA (WHEN WE RISE) When We Rise, Quando Fazemos História no Brasil, trata-se de um documentário sobre a luta LGBT nos Estados Unidos desde a década de 70, até os dias de hoje. Atravessa gerações de uma mesma luta. Dividida em 8 episódios, escrita por Dustin Lance Black e...

Resenha: Em Quanto Conto – Carlos Lazzarotto

Resenha: Em Quanto Conto - Carlos Lazzarotto


Resenha: Em Quanto Conto - Carlos Lazzarotto

Olá, leitores. Hoje vocês vão ler um resenha de um livro repleto de contos curtos que vão tornar o seu dia mais feliz ou te fazer refletir um pouco mais sobre questões que às vezes passam sem ser notadas. E e esse livro que eu vos falo é "Em Quanto Conto", escrito por Carlos Lazzarotto. Caso...

Resenha – Star Wars:  The Clone Wars (Série)

Resenha - Star Wars: The Clone Wars (Série)


Resenha - Star Wars: The Clone Wars (Série)

Finalmente! Depois de muito tempo e dedicação consegui completar todas as temporadas da minha franquia preferida. Estou me referindo às 6 temporadas das guerras clônicas entre a República e a Federação do Comércio. Mas é necessário assistirmos os filmes de Star Wars para vir a curiosidade de...

  • Fábio Azevedo

    Vi o trailer e achei excente a história. Acho que o que agrada no filme é o desejo que todos nós temos de vingarmos as maldades que fazem conosco, de humilhar aqueles que nos fazem de otários (isso acontece muito entre os adolescentes) ou entre nós, adultos, o que o Governo faz (ou dificulta) para destruir nossos planos e sonhos. Com certeza, um excelente filme.