Título e Capa 2
Escrita / Enredo 3
Originalidade 3
Personagens 3
Final 1

Olá amiguinhos. Venho até vocês hoje com uma crítica de Rebirth, um filme original da Netflix. Vou colocar a sinopse aqui em baixo e depois começo os comentários. Levantar. Ir para o trabalho. Voltar para casa, jantar, dormir, fazer tudo isso de novo. Essa é a vida, todos os dias, a cada ano, até que ..

Summary 2.4 normal
Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 5
Summary rating from 1 user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 5.0 great

Crítica – Rebirth

Resenha do Filme RebirthOlá amiguinhos. Venho até vocês hoje com uma crítica de Rebirth, um filme original da Netflix. Vou colocar a sinopse aqui em baixo e depois começo os comentários.

Levantar. Ir para o trabalho. Voltar para casa, jantar, dormir, fazer tudo isso de novo. Essa é a vida, todos os dias, a cada ano, até que você morra – a menos que você tenha o que é necessário para renascer. Rebirth dá um novo sopro de vida, mas só se você estiver disposto a pagar o preço.

Vendo em alguns sites de críticas especializados, Rebirth é classificado como um suspense psicológico. Mas na minha opinião, pode ser classificado como uma perda de tempo total. Sim, eu achei o filme ruim. E essa é a prova que ninguém, nem mesmo a Netflix, acerta sempre.

O filme começa apresentando Kyle em sua rotina diária e chata, que inclui acordar, tomar café com a família, ir trabalhar, voltar para casa, fazer exercícios e ir dormir. Isso se repete por anos, até que um amigo antigo, Zack, aparece e oferece uma oportunidade única à Kyle. Um final de semana onde sua vida iria mudar completamente. Até aí parece familiar, certo? Muito bem, vamos continuar. Kyle decide ir até o lugar indicado por Zack. E é aí que tudo acontece.

O filme nada mais é do que aqueles filmes onde o personagem passa por um programa intensivo de auto ajuda para se encontrar e entrar em uma filosofia de vida Hakuna Matata. Mas em Rebirth, eles elevam esse grau de intensidade ao extremo. A ideia do programa é você passar por várias salas e se descobrir a cada passo, assim completando seu renascimento, que é a ideia central do programa. Mas isso não é bem explorado, pois só vemos três salas durante o longa. Não vou comentar sobre o que acontece nas salas, pois não quero soltar spoilers sobre o filme.

Também não vou comentar sobre a reviravolta que ocorre na trama, nem contar o final do filme, mas vou dizer que seria melhor Kyle ter se matado. Teria dado alguma emoção ao filme, que foi meio tedioso.

Considerações finais

A Netflix tem muita coisa boa em seu catálogo. Vários filmes originais, como Zerando a Vida e Ele Está de Volta, e séries, como  Stranger Things e Jessica Jones, que te fazem assistir todos os episódios seguidos. Mas Rebirth não é uma dessas pérolas da Netflix. Então eu não recomendo que vocês assistam esse filme, a menos que vocês queiram ter suas próprias opiniões sobre o filme.

Essa é a crítica de hoje. Se é a primeira vez que você acessa o nosso humilde site, seja muito bem vindo. Comentem suas opiniões sobre esse filme, ou então acessem as outras resenha do nosso site. Compartilhem as resenhas para seus amigos, sigam nossas redes sociais e assinem nosso site para não perder nenhuma resenha. Não tenham um ataque psicótico e até a próxima.

Related posts

Crítica: O Matador (Netflix)

Crítica: O Matador (Netflix)


Crítica: O Matador (Netflix)

  Bem-vindos amigos do Mundo das Resenhas!! Hoje iremos falar sobre o melhor filme de Bang-Bang que você vai ver aqui nas terras Tupiniquins! Isso mesmo, um filme brasileiro de Bang-Bang.   A primeira vez que vi um filme brasileiro de “bang-bang” foi no canal cultura numa tarde de domingo. Eu...

Crítica – Creed: Nascido Para Lutar

Crítica - Creed: Nascido Para Lutar


Crítica - Creed: Nascido Para Lutar

Olá amiguinhos. Entrem no Youtube, pesquisem Gonna Fly e escutem esse hino enquanto fazem a leitura de mais uma crítica aqui no Mundo das Resenhas. Hoje vamos falar sobre um filme que veio como uma surpresa para os amantes de boxe e Sylvester Stallone. Creed: Nascido para Lutar. Vou colocar a...

Crítica: A Morte te dá Parabéns

Crítica: A Morte te dá Parabéns


Crítica: A Morte te dá Parabéns

"A morte te dá parabéns" conta a história de Tree, uma jovem universitária que vive a vida sendo egoísta, arrogante e maltratando as pessoas a sua volta, inclusive o pai que ela ignora até metade do filme. Além do gênio difícil, a protagonista vive o famoso clichê, que atualmente deixou de...

  • Andressa Souza

    Sou a única que gostou muito?

    • Jeff Pereira

      Provavelmente não. Hahahah. Mas ele é um filme que tinha uma ideia boa e foi mal executada. Mas, claro, isso é a minha opinião. 🙂