Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 4

A Face Oculta conta a história de Alexis O’Hara, filha adotiva do casal Marta e Alan, resgatada ainda criança de um ataque terrorista, agora, uma jovem que vive em Londres. O mundo está mudado, tornando-se algo quase perfeito. Tecnologia é algo indispensável e faz parte de uma população com taxa mínima de mortalidade. Enquanto estuda ..

Summary 4.8 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

RESENHA – A FACE OCULTA – J R FARIA

“A vida de Alexis muda radicalmente, quando o seu carro é invadido por um indivíduo armado, que deixa para trás um misterioso pedaço de papel com uma mensagem cifrada. A partir de aí, a curiosidade incansável de Alexis leva-a a um novo submundo, onde a linha entre o bem e o mal é tenue, e o certo e errado se misturam . Quando milhões de vidas inocentes ficam inevitavelmente dependentes de Alexis, a sua escolha condicionará o futuro do planeta e a sua própria vida. Até que ponto se irá ela envolver nesta nova realidade”

A Face Oculta conta a história de Alexis O’Hara, filha adotiva do casal Marta e Alan, resgatada ainda criança de um ataque terrorista, agora, uma jovem que vive em Londres. O mundo está mudado, tornando-se algo quase perfeito. Tecnologia é algo indispensável e faz parte de uma população com taxa mínima de mortalidade.

Enquanto estuda em seu carro, no trânsito de Londres, Alexis se se vê em uma situação desconfortável. Um estranho entra em seu carro, coloca uma arma em sua cabeça e a obriga a servir de piloto de fuga.

“Passou pelos veículos que a perseguiam fazendo com que um deles chocasse com o outro, seguindo depois pela via que os levava a uma estrada superior. Percorria em grande velocidade as ruas que o intruso ia indicando até que percebeu que não iam sair de Londres, nem nada que se parecesse, andava em círculos”.

O estranho foge e deixa um papel com um código que Alexis não compreende. Alexis não consegue tirar o papel da cabeça, tentando descobrir o que o código significa. Martelando e martelando, com a ajuda de um amigo, consegue descobrir o significado.

Quando descobre o que o código significa, Alexis é tomada por pânico. Decisões difíceis, desconfiança, cada atitude tomada por ela pode significar o futuro da humanidade.

“Dobrou-se ligeiramente para chegar ao bolso do fato-macaco que tinha vestido. Os seus olhos abriram-se de espanto, os seus lábios cerraram – as palavras ficaram presas a garganta – a sua mão estava enfiada no bolso e saía pela fenda de tecido ensanguentado, aberta pelo objeto cortante. Os outros dois petrificaram no lugar, pois perceberam o que se passava, o papel tinha desaparecido”.

O livro é extremamente bem escrito e prende o leitor de uma forma mágica e cativante, cheia de aventura e mistérios. No começo do livro o leitor é tomado por vários questionamentos e, ao longo, percebe-se que tudo vai sendo explicado nos mínimos detalhes.

Embora seja escrito em português de Portugal, não é difícil de ser compreendido, trazendo situações inusitadas e chocantes. A linguagem é muito bonita e divertida, já que algumas palavras tem outro significado em nossa língua e te fazem rir com a tradução dos significados.

Eu recomendo a leitura desse universo futurista maravilhoso criado pela escritora Joana Faria, onde além de mistérios e situações fascinantes, temos muito suspense e o livro se mostra extremamente fiel ao gênero.

“…Mas não conseguia ignorar o friozinho que sentia na base do estômago. Algo tinha mudado e disso tinha certeza. Foram em silêncio durante o que lhe pareceu uma eternidade, descendo a grande velocidade uma imensa quantidade de andares. Quando finalmente o elevador parou, ela sabia que estavam a vários metros debaixo da terra, quantos não saberia precisar, mais bem mais do que era normal”.

Depois de ler, deixem a opinião nos comentários.

Related posts

RESENHA – SILÊNCIO – BECCA FITZPATRICK

RESENHA - SILÊNCIO - BECCA FITZPATRICK


RESENHA - SILÊNCIO - BECCA FITZPATRICK

“Nora Grey não consegue se lembrar dos últimos cinco meses. Depois do choque inicial de acordar em um cemitério e descobrir que ficou desaparecida por semanas, ela precisa retomar sua rotina, voltar à escola, reencontrar a melhor amiga, Vee, e ainda aprender a conviver com o novo namorado da...

Não se apega, não! – Isabela Freitas

Não se apega, não! - Isabela Freitas


Não se apega, não! - Isabela Freitas

Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de...

RESENHA – FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO – MV BILL E CELSO ATHAYDE

RESENHA - FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO - MV BILL E CELSO ATHAYDE


RESENHA - FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO - MV BILL E CELSO ATHAYDE

“Este livro é um contundente relato pessoal de Celso Athayde e MV Bill dos bastidores da produção de um documentário explosivo sobre o universo dos meninos que trabalham no tráfico de drogas em diversas partes do país. Narrado em primeira pessoa, o livro revela as dramáticas experiências que...