Título e Capa 3
Escrita / Enredo 3
Originalidade 4
Personagens 3
Final 4

Primeiro livro do autor “Júlio Verne” que leio, então vamos as considerações dessa estreia. “A Ilha Misteriosa”, retrata as aventuras de cinco homens, ou melhor, quatro homens e uma criança, (a sinopse diz que é uma criança, mas para mim está mais para pré-adolescente/adolescente), que após encararem uma terrível tempestade a bordo de um balão, ..

Summary 3.4 good
Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 5
Summary rating from 1 user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 5.0 great

Resenha – “A Ilha Misteriosa” – Júlio Verne

Primeiro livro do autor “Júlio Verne” que leio, então vamos as considerações dessa estreia.

“A Ilha Ma ilha misteriosa julio verneisteriosa”, retrata as aventuras de cinco homens, ou melhor, quatro homens e uma criança, (a sinopse diz que é uma criança, mas para mim está mais para pré-adolescente/adolescente), que após encararem uma terrível tempestade a bordo de um balão, são lançados em uma ilha no meio do nada.
Desprovidos de tudo, eles se veem obrigados a recorrer ao que a Ilha os fornecerá para sobreviver.

Agora, minhas considerações:
Já citei isso em uma outra resenha, mas citarei nessa novamente: amo histórias de sobrevivência e pela sinopse do livro imaginei que me depararia com uma história das boas. Não estava errada, embora no início tenha achado.

A linguagem contida nas páginas é mais “antiga”, mas também, o livro data de 1874! Não que você vá ter que ler com um dicionário do lado, não é para tanto, mas não é a “língua atual” que normalmente estou acostumada a ler.
O início do livro estava muito sem sal, não estava conseguindo me encantar, mas conforme virei as páginas, começou aos poucos a melhorar.

A inteligência e engenhosidade dos personagens de retirar das terras da Ilha tudo que se é necessário a uma vida confortável era admirável. Tinha muita química envolvida nos afazeres dos personagens, diversas reações, etc., e essas partes, que continham diversas experiências químicas descritas, eu adorei!
Além disso, há a cumplicidade entre eles e o mistério que cerca a Ilha. Tudo era muito encantador.

Como falei, esse foi o primeiro livro de Júlio Verne que li e nele há algumas alusões a “Vinte Mil Léguas Submarinas”, então não foi aquela emoção que normalmente ocorre quando você encontra em um livro de um autor alusão a outro livro dele, tipo “AHHH, está citando aquela outra história!”, afinal, não a conheço. Mas talvez quem a conheça, tenha gostado ou venha a gostar dessa alusão.
Resumindo tudo, é um livro mediano/bom.

Agora, leiam e tirem suas conclusões amiguinhos!
Até a próxima!

Resenha do LivroA Ilha Misteriosa“, Livro escrito por “Julio Verne“.
Série As Viagens Extraordinárias. Precedido por : “A Volta ao mundo em 80 dias“.

Confiram o trailer do filme inspirado no livro:

Related posts

Resenha: Coração de Tinta – Cornelia Funke

Resenha: Coração de Tinta - Cornelia Funke


Resenha: Coração de Tinta - Cornelia Funke

Senhoras e senhores, peguem suas xícaras de chá, acomodem-se em suas poltronas, ou em qualquer lugar confortável, e deleitem-se com mais um resenha. Hoje, vamos conhecer um pouco sobre um mundo que existe ao mesmo tempo que não existe. Um mundo de fábulas, onde pessoas brincam, dançam e...

Resenha: A Rainha de Tearling – Erika Johansen

Resenha: A Rainha de Tearling - Erika Johansen


Resenha: A Rainha de Tearling - Erika Johansen

A Rainha de Tearling, chegou ao Brasil com toda a sua majestade em janeiro de 2017, publicado sob o selo Suma de Letras, da Editora Companhia das Letras. A obra, primeiro livro de uma trilogia, é o romance de estreia da autora Erika Johansen e terá em breve, sua adaptação exibida nas telas do...

Sociedade J.M Barrie – Barbara J. Zitwer

Sociedade J.M Barrie - Barbara J. Zitwer


Sociedade J.M Barrie - Barbara J. Zitwer

Se há uma coisa que eu gosto muito é um bom livro, ou um bom romance. Sim, aqueles livros que se aprofundam em cada personagem, nos fazendo, assim, pensar como eles, ou pelo menos entender suas motivações e ações. Outra coisa que um romance não deixa de lado é uma enrolação no enredo. Afinal, se...