Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 4
Personagens 5
Final 5

Para quem gosta de um bom romance com muita aventura, perigo e vampiros, A Menina Mais Fria De Coldtown de Holly Black é uma ótima escolha. Com capítulos intercalados entre os acontecimentos atuais e flashbacks que dão sentido a história, o livro narra em terceira pessoa a história de Tana, uma garota que fará de ..

Summary 4.8 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

Resenha: A Menina Mais Fria De Coldtown

RESENHA DO LIVRO A MENINA MAIS FRIA DE COLDTOWN - HOLLY BLACKPara quem gosta de um bom romance com muita aventura, perigo e vampiros, A Menina Mais Fria De Coldtown de Holly Black é uma ótima escolha. Com capítulos intercalados entre os acontecimentos atuais e flashbacks que dão sentido a história, o livro narra em terceira pessoa a história de Tana, uma garota que fará de tudo para ajudar aqueles que gosta evitando a todo custo se tornar uma vampira.

Os personagens são fascinantes, ao mesmo tempo encantadores e misteriosos. A forma como as cenas são descritas é perfeita, dando detalhes minuciosos não só do cenário em questão, como principalmente do turbilhão de emoções que cada personagem sente.

“Eu não quero ser uma vampira, dizia a si mesma, repetidas vezes. Porém, em seus sonhos, ela meio que queria, sim.”

Aiden, o ex namorado, está infectado e sedento de sangue e Graviel, um vampiro em quem tecnicamente não deveria confiar, parece ser o único a saber o que fazer, juntos após uma chacina na festa onde estavam, eles a seguem a caminho da Coldtown mais próxima como a única esperança de se manter a salvo.

“E, ao lado da cama, amordaçado e acorrentado, estava outro garoto, de cabelos tão negros quanto tinta nanquim. Ele ergueu o olhar para ela. Seus olhos eram brilhantes com rubis e tão vermelhos quanto.”

Midnight e Winter são os gêmeos misteriosos que eles encontram no caminho e para quem dão carona, e que sabem tanto sobre a Coldtown quanto os moradores de lá, os dois conseguem ser ainda mais misteriosos que Graviel, e portanto, mais perigosos, e diferente de Tana, querem a todo custo se tornar vampiros.

“Midnight e Winter, pensou Tana. Sabia que os nomes tinham que ser falsos e que a aparência dos dois era um artifício elaborado, mas eles usavam sua estranha beleza como pintura de guerra. Formavam uma dupla intimidante.”

Os flashbacks são muito importantes, e vão moldando todo o contexto da história, nos fazendo conhecer melhor cada personagem e entender cada escolha que eles fazem ao longo do percurso, a maioria deles são de Tana, mas tem alguns de Graviel também, que se encaixam perfeitamente na história e vão dando sentido a tudo.

O caminho que os quatro percorrem e o lugar onde devem chegar é basicamente perigoso, o que torna a história ainda mais emocionante. A leitura é muito fácil, tanto que devorei o livro em duas noites, tudo flui naturalmente, deixando um gostinho de quero mais ao fim de cada capítulo e principalmente quando o livro acaba.

Para quem ainda não leu A Menina Mais Fria De Coldtown, eu recomendo a leitura, e depois de ler não se esqueçam de deixar sua opinião sobre o livro nos comentários.

Related posts

Memórias do Subsolo: Que tipo de ser-humano é você?

Memórias do Subsolo: Que tipo de ser-humano é você?


Memórias do Subsolo: Que tipo de ser-humano é você?

******************************NÃO contém spoiler****************************** Sinopse: Escrito na cabeceira de morte de sua primeira mulher, numa situação de aguda necessidade financeira, 'Memórias do Subsolo' condensa um dos momentos mais importantes da literatura ocidental, reunindo vários...

O Conde de Monte Cristo: “A Divina Comédia de Alexandre Dumas”

O Conde de Monte Cristo: "A Divina Comédia de Alexandre Dumas"


O Conde de Monte Cristo: "A Divina Comédia de Alexandre Dumas"

*****************************NÃO contém spoiler**************************** (ANÁLISE DA OBRA E SEGUNDA OPINIÃO - CONFIRA A PRIMEIRA RESENHA POSTADA DE "O CONDE DE MONTE CRISTO" CLICANDO AQUI) *** Alexandre Dumas, o grande artista literário que através de sua escrita moldou narrativas que...

Trilogia Mar Despedaçado: Vale a pena a leitura #02?

Trilogia Mar Despedaçado: Vale a pena a leitura #02?


Trilogia Mar Despedaçado: Vale a pena a leitura #02?

*****************************NÃO contém spoiler***************************** (Confira o primeiro "Vale a pena a leitura?", a resenha da trilogia "A Rebelde do Deserto" clicando AQUI) O que você espera encontrar em uma história de fantasia? Talvez você tenha pensado em diversos elementos...