Título e Capa 4
Escrita / Enredo 5
Originalidade 4
Personagens 5
Final 4

Ultimamente estou escutando musicas específicas enquanto escrevo minhas resenhas. Para essa resenha estou escutando a ost sensacional de The Witcher 3, jogo que eu espero comentar aqui algum dia, mas não é sobre isso que eu venho até vós nesta noite chuvosa estava chovendo quando escrevi a resenha. Hoje vou falar sobre o livro “Caçadores: ..

Summary 4.4 great
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 bad

Resenha – Caçadores: Vale da morte

Resenha do Livro Cacadores - Vale da MorteUltimamente estou escutando musicas específicas enquanto escrevo minhas resenhas. Para essa resenha estou escutando a ost sensacional de The Witcher 3, jogo que eu espero comentar aqui algum dia, mas não é sobre isso que eu venho até vós nesta noite chuvosa estava chovendo quando escrevi a resenha. Hoje vou falar sobre o livro “Caçadores: Vale da Morte” de Priscila Magalhães Palmeira.

Vou jogar a sinopse oficial do livro e depois comentar um pouco sobre a obra.

Quando as bruxas rompem a tênue linha que as separa dos humanos, três jovens caçadoras irão persegui-las e matá-las custe o que custar, mas agora elas têm uma missão em que, se falharem, quatro virgens serão sacrificadas no grande sabattum, a festa sabática das bruxas.

Correndo contra o tempo para descobrir o lugar exato onde será feito o sacrifício, as três encontram em seu caminho um lindo e misterioso cigano que as seguirá a fim de descobrir os segredos que envolvem sua própria vida.

Conseguirão passar pelos perigos e desafios que os espera ao longo da tenebrosa jornada e chegar a tempo de salvar as inocentes virgens?

Bem, se tem uma coisa que eu sempre vou gostar é de livros de fantasia medieval. Por toda a ambientação, as lutas de espadas, os monstros e tudo o mais. Caçadores me deu isso e muito mais com uma história simples, divertida e empolgante. Devo confessar que em certos momentos eu não queria parar de ler, mesmo quase levando um apagador na cara de algum professor.

Temos cinco personagens principais: Diju, Angelina, Petra, Doru e Leonardo. Diju, Petra e Angelina são caçadoras, um trabalho que é passado de geração para geração. As três mulheres já sofreram perdas terríveis em suas vidas, mas ambas sabem que isso nada mais é do que o destino dos caçadores. Doru vivia em uma vila cigana. Um homem bonito (de acordo com a descrição do livro) e misterioso que queria ver mais do mundo e que teve essa oportunidade quando conheceu Diju. E temos Leonardo, um homem que vivia em uma vila pacata até que, depois de alguns acontecimentos, resolveu acompanhar o grupo de caçadores. Não vou entrar em detalhes sobre os personagens, pois seria revelar um pouco da trama em si.

Uma coisa que gostaria de fazer e eu espero que a autora não me mate é comparar o livro ao jogo The Witcher. Mas não em quesito da trama principal e sim dos caçadores em si. Pessoas que arriscam suas vidas e matam monstros em troca de dinheiro. Diju, principalmente, me lembrou um pouco o protagonista do jogo, Geralt de Rívia, mas no mais são duas obras bem diferentes que seguem seus caminhos e encantam a todos.

Considerações finais

Fãs de fantasia, aventura, monstros e caçadores devem ler esse livro. É uma leitura leve, direta e muito boa de fazer. Você começa a ler e não se toca que tem que descer do ônibus para ir à escola. Gostaria de deixar os nossos agradecimentos do Mundo das Resenhas para a autora e a nossa torcida para que sua carreira seja uma carreira de sucesso.

Então é isso, amiguinhos. Ao som de Hunt Or Be Hunted vou ficando por aqui. Comentem o que vocês acharam da resenha, opiniões, sugestões e criticas construtivas. Sigam nossas redes sociais, pois sempre rola muita coisa boa por lá e se toparem com alguma bruxa por aí, chame os Caçadores.

Related posts

Resenha: A Lenda de Elvengray – Simone S. Miranda

Resenha: A Lenda de Elvengray - Simone S. Miranda


Resenha: A Lenda de Elvengray - Simone S. Miranda

Estamos tão acostumados a ler obras grandes e famosas, de vários gêneros, que quase sempre deixamos escapar obras maravilhosas escritas por pessoas que estão perto de nós. Hoje, lhes apresentarei o livro A Lenda de Elvengray, escrito por Simone S. Miranda. Uma trama que ilustra a batalha do bem...

Resenha: As Crônicas de Oliver – Bruno di Oliveira

Resenha: As Crônicas de Oliver - Bruno di Oliveira


Resenha: As Crônicas de Oliver - Bruno di Oliveira

"As Crônicas de Oliver, O segredo da pirâmide de El Dorado", do autor Bruno di Oliveira, trata-se de uma obra nacional, publicada pela editora Planeta de Livros Brasil, sob o selo Outro Planeta. Oliver é um adolescente como muitos outros, que adora navegar na internet e jogar video game...

Resenha – Erased (Original Netflix)

Resenha - Erased (Original Netflix)


Resenha - Erased (Original Netflix)

Eu sempre amei histórias que mexem com viagem no tempo. Mas, ultimamente, eu venho preferindo histórias que usam a viagem no tempo apenas como um motor para fazer as coisas andarem, e não como fator principal. E é isso que a série Erased nos trás. Primeiro vou deixar a sinopse aqui e depois eu...

  • Priscila Magalhaes (Prisca)

    Jeff, achei sua resenha por acaso e gostaria de agradecer. Fiquei imensamente feliz com teus comentários, observações e senti-me honrada por vc ter feito a resenha. Beijos

    • Jeff Pereira

      Priscila, eu é que fico honrado por ter tido a oportunidade de ler seu livro. Estamos precisando de mais histórias como a sua, principalmente para essa nova geração “leite com pera e ovomaltino” aprender o que literatura de qualidade. Hehehe.