Título e Capa 4
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 5

“Este livro é um contundente relato pessoal de Celso Athayde e MV Bill dos bastidores da produção de um documentário explosivo sobre o universo dos meninos que trabalham no tráfico de drogas em diversas partes do país. Narrado em primeira pessoa, o livro revela as dramáticas experiências que Celso e Bill vivenciaram antes e durante ..

Summary 4.8 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

RESENHA – FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO – MV BILL E CELSO ATHAYDE

“Este livro é um contundente relato pessoal de Celso Athayde e MV Bill dos bastidores da produção de um documentário explosivo sobre o universo dos meninos que trabalham no tráfico de drogas em diversas partes do país. Narrado em primeira pessoa, o livro revela as dramáticas experiências que Celso e Bill vivenciaram antes e durante a realização do documentário Falcão, projeto que iniciaram em 1998 e terminaram em 2006.

Os autores também discutem temas polêmicos como racismo, segurança pública, repressão policial e a importância do Hip Hop para a juventude que vive nas favelas. Com uma câmera na mão e a coragem de enfrentar o inesperado, Bill e Celso recolheram imagens e depoimentos estarrecedores. Dos 17 meninos entrevistados, 16 morreram ao longo da produção do documentário. O objetivo dos autores foi mostrar o lado humano destes jovens. Suas razões, suas angústias, suas loucuras, seus sonhos, suas maldades e contradições. ‘Não queremos, com este livro, apresentar soluções para a criminalidade infantil, induzir opiniões, ou fazer uma análise profunda baseada em teorias para explicar o motivo dessa tragédia. Pretendemos simplesmente narrar as dificuldades que fizeram parte do nosso dia-a-dia, durante as gravações do documentário Falcão. Fatos que ficaram marcados em nossa consciência, em nossa alma.’ ‘Falcão – Meninos do Tráfico’ abre uma nova discussão sobre a questão da segurança pública. Um livro fundamental para quem pretende entender o problema da violência no Brasil”.

Narrado em primeira pessoa, trazendo verdades, tristezas e a realidade vivida por muitos adolescentes no Brasil, até mesmo hoje, depois de 12 anos de sua publicação, “Falcão, Meninos do Tráfico”, é um livro dos bastidores do documentário produzido pelo rapper Alex Pereira Barbosa, mais conhecido como Mv Bill, e pelo Produtor Celso Athayde.

Inicialmente criado com a intenção de mostrar o universo dos meninos envolvidos com tráfico de drogas de várias partes do país, o livro traz uma abordagem real do que por muitos é ignorada.

“Chegou um outro Falcão, e Rogerinho passa o fuzil numa espécie de rodízio entre os meninos. Me despedi de Rogerinho e fui embora pensando nele. Combinamos de gravar no seu próximo plantão, mas não foi possível. Nosso próximo encontro acabou sendo na semana seguinte, em seu enterro”.

O documentário teve início em 1998 e, quando finalizado em 2006, foi apresentado como quadro jornalístico no programa Fantástico. A realidade ali mostrada chocou tanto a população, que decidiram escrever sobre os bastidores, o resultado foi um livro real que te faz enxugar as lágrimas em cada capítulo e situação apresentada.

O livro, “Falcão, Meninos do Tráfico” é dividido entre capítulos emocionantes, onde cada um dos autores conta seus relatos e entrevistas, ilustrando para o leitor seus sentimentos e percepções desse mundo turbulento e perigoso.

Mv Bill e Celso Athayde conseguiram não somente demonstrar seus sentimentos ao decorrer da narrativa, mas também dar voz aos personagens (Falcões), descrevendo sua aparência, modo de falar e cenário, conseguindo a imersão do leitor naquele universo, que, embora real, até parece imaginário por ser tão cruel e triste.

“ A primeira porrada foi na garota que estava do meu lado esquerdo. Ela gritava como se fosse morrer na hora. Eles não aliviaram. Depois em mim, senti a primeira porrada nas minhas costas, que estavam curvadas. Eles bateram mais. Levantei a cabeça para evitar que eles quebrassem a minha espinha, e aí foi o meu pecado. Eles deram uma porretada na minha cabeça senti o sangue escorrer na hora. Não senti dor, só uma dormência. O sangue escorria do meu rosto”.

Ao longo da narrativa você entende toda a loucura vivida por esses adolescentes, embora muitos pensem que a maioria está ali porque quer, o leitor é transportado para uma versão diferente, para realmente entender os motivos e desafios vividos por esses garotos.

“ Pô, tô aqui porque a sociedade aí fora não dá nenhum meio de vida pra gente agir aí fora. Se a gente quer procurar um trabalho, é difícil. Até pra procurar uma escola é difícil, a gente não tem escolha pra nada. Então, eu tô aí, mano, como você tá vendo, nesse ambiente aqui, que até chega a ser desagradável. Eu não sou bandido não, eu tô aqui porque eu preciso, certo, ajudar dentro de casa, porque eu não quero ver minha coroa sofrendo”.

Além de mostrar a realidade dos usuários de drogas e traficantes mirins, o livro aborda questões sociais, como racismo, pobreza, desigualdade social, repressão policial e falta de segurança pública.

Dos 17 entrevistados, apenas 1 sobreviveu. É um livro que propõe uma perspectiva diferente sobre a realidade ainda vivida no Brasil. Recomendo para aqueles que desejam adquirir conhecimento e repensar questões sociais importantes.

Após lerem, deixem a opinião nos comentários. E não esqueçam de se inscrever no nosso site, basta inserir o e-mail de vocês e pronto. Até a próxima pessoal!

Related posts

Resenha: Piano Vermelho – Josh Malerman

Resenha: Piano Vermelho - Josh Malerman


Resenha: Piano Vermelho - Josh Malerman

Josh Malerman entrou na minha vida com o pé direito, quando eu li “Caixa de Pássaros”. Ainda posso sentir na pele toda a agonia que aquela leitura me causou (vide minha resenha da obra)... Então, assim que “Piano Vermelho” foi lançado, imediatamente entrou na minha lista de desejos. Desta vez...

Resenha do Livro Filhos e Soldados – Bruce Henderson

Resenha do Livro Filhos e Soldados - Bruce Henderson


Resenha do Livro Filhos e Soldados - Bruce Henderson

Hoje vamos comentar sobre um livro incrível, mas eu disse incrível mesmo. Uma obra que conta a valentia de como seis meninos alemães, e ainda por cima, judeus conseguiram fugir da Alemanha Nazista. Isso mesmo, o Livro Filhos e Soldados contém um registro incrível e maravilhoso de como garotos...

RESENHA – TPM, PARA QUE TE QUERO? – JU FERRAZ

RESENHA - TPM, PARA QUE TE QUERO? - JU FERRAZ


RESENHA - TPM, PARA QUE TE QUERO? - JU FERRAZ

Desde pequenas somos vistas como o sexo frágil, histéricas e incapazes de escrever a nossa própria história. Sim, somos bombardeadas por hormônios em todas as fases da nossa vida e precisamos aprender a lidar com isso. Não é fácil! Temos oscilações de humor e às vezes simplesmente não temos...