Resenha: Metamorfose – Carolina Fernandes

carol capa livro fernandesSim amiguinhos, hoje vamos falar sobre o livro Metamorfose, escrito pela nossa parceira Carolina Fernandes. Vou colocar a sinopse logo abaixo e depois vou falar um pouco sobre a obra.

Uma garota determinada em busca de respostas, um aliado misterioso, um irmão desaparecido e uma assassina insaciável estão conectados de forma irreversível. Mas essa ligação perigosa leva cada um por caminhos incertos que podem resultar em consequências desastrosas, principalmente pelas mãos da assassina.

A garota cai em uma armadilha mortal. Depois que o mesmo grupo clandestino que espalhou o caos em sua cidade foi responsável pelo sequestro do seu irmão, ela faz um acordo com sua líder mais sombria esperando vê-lo de volta. Após várias reviravoltas, um garoto com estranhos olhos azuis a salva e tudo o que pensou conhecer muda. Sua família de alguma forma estava envolvida com aquelas pessoas brutais, e mais segredos surgiam enquanto percebia que não só eles como ela mesmo talvez não fossem apenas seres humanos comuns. Só duas certezas estavam em sua mente:

A primeira era que não estava sozinha. Aquele que a salvou escolheu sair das sombras para ficar ao seu lado.

A segunda era que resgataria seu irmão mesmo que custasse sua vida.

A trama mistura bem os conceitos de fantasia, ficção e uma pitada de romance. Somos apresentados a Meg, uma garota normal, que passa por várias mudanças (e não estou falando de puberdade) e ganha poderes inacreditáveis. É interessante ver como ela começa a lidar com seus poderes, e a determinação em usar esses poderes para salvar seu irmão, que havia sido sequestrado.

Uma coisa que eu gostei foi que, mesmo sendo uma espécie diferente da humanidade em si, as pessoas que sofrem a metamorfose vivem em clãs. Cada clã age de acordo com suas próprias razões. E existem clãs que preferem ver o circo pegar fogo, como é o caso do clã dos exterminadores.

Todo o conceito da separação de, na falta de uma palavra melhor, castas e seus poderes é incrível. Nós vemos que nem todo mundo tem os mesmos poderes e, assim como a nossa humilde espécie, existem pessoas que são diferentes deles. Pessoas que nascem com mais poderes do que o normal.

A trama tem um desenrolar de fácil acompanhamento. Você consegue entender as ideias e motivações de todos. Só o comecinho do livro que deixa a impressão de já estar no meio da história. Mas, depois de algumas páginas, você já fica mais habituado ao que está sendo apresentado.

Se você é um fã aficionado de animes, preste atenção na história, pois existem algumas referências a um certo ninja de cabelo loiro no meio da trama.

Considerações finais

Recomendo o livro Metamorfose para todos os amantes de ficção-fantástica. É um livro que traz momentos eletrizantes (não resisti ao trocadilho), e outros mais calmos, que ainda assim te prendem na leitura.

Se vocês quiserem conhecer mais sobre as obras da autora, podem começar pelo conto Marcos, publicado aqui mesmo no Mundo das Resenhas. E caso queiram comprar o livro, Vamos deixar também o link da Amazon.

Então, essa foi a resenha de hoje. Por favor, não se esqueçam de compartilhar nossa resenha com seus amigos, inscrevam-se no nosso site e sigam nossas redes sociais. Até a próxima!

Related posts

RESENHA – SILÊNCIO – BECCA FITZPATRICK

RESENHA - SILÊNCIO - BECCA FITZPATRICK


RESENHA - SILÊNCIO - BECCA FITZPATRICK

“Nora Grey não consegue se lembrar dos últimos cinco meses. Depois do choque inicial de acordar em um cemitério e descobrir que ficou desaparecida por semanas, ela precisa retomar sua rotina, voltar à escola, reencontrar a melhor amiga, Vee, e ainda aprender a conviver com o novo namorado da...

Não se apega, não! – Isabela Freitas

Não se apega, não! - Isabela Freitas


Não se apega, não! - Isabela Freitas

Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de...

RESENHA – FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO – MV BILL E CELSO ATHAYDE

RESENHA - FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO - MV BILL E CELSO ATHAYDE


RESENHA - FALCÃO, MENINOS DO TRÁFICO - MV BILL E CELSO ATHAYDE

“Este livro é um contundente relato pessoal de Celso Athayde e MV Bill dos bastidores da produção de um documentário explosivo sobre o universo dos meninos que trabalham no tráfico de drogas em diversas partes do país. Narrado em primeira pessoa, o livro revela as dramáticas experiências que...