Título e Capa 4
Escrita / Enredo 4
Originalidade 3
Personagens 4
Final 4

Sim amigos. Hoje vou comentar um pouco sobre uma das melhores séries policiais já feitas que, atualmente, está na metade da sua segunda temporada. Que série é essa? Secrets And Lies, ou Segredos e Mentiras caso você esteja vendo pela Rede Globo. o você ainda não tenha assistido a primeira temporada, leia a nossa resenha ..

Summary 3.8 good
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 bad

Resenha – Secrets And Lies (Segredos e Mentiras) 2ª Temporada

Capa da Segunda temporada de Secrets and Lies

Capa da Segunda temporada de Secrets and Lies

Sim amigos. Hoje vou comentar um pouco sobre uma das melhores séries policiais já feitas que, atualmente, está na metade da sua segunda temporada. Que série é essa? Secrets And Lies, ou Segredos e Mentiras caso você esteja vendo pela Rede Globo. o você ainda não tenha assistido a primeira temporada, leia a nossa resenha clicando AQUI. Vamos comentar a segunda temporada, que está saindo lá na terra do Tio Sam e está no seu quarto episódio. Vou colocar a sinopse da segunda temporada e logo após começo a comentar os episódios que já foram liberados.

Na segunda, Eric Warner (Michael Ealy) se torna suspeito pela morte de sua esposa. Recém casado e herdeiro de uma empresa em Charlotte, na Carolina do Norte, Eric está em uma festa quando sua esposa Kate (Jordana Brewster) é assassinada. Novamente a detetive Andrea Cornell (Juliette Lewis) está a frente do caso, e seu principal suspeito é Eric.

Para começar, não espere ver nenhum personagem da primeira temporada, exceto a própria Cornell. Por enquanto o máximo de vínculo com o elenco da primeira temporada é uma menção a Ben Crawford, personagem de Ryan Phillippe. Não posso comentar como ele foi mencionado, pois seria um spoiler tanto da primeira temporada quanto da segunda. Então, vamos falar sobre a segunda temporada.

O ritmo da série continua acelerado. Com várias coisas acontecendo ao mesmo tempo. Segredos sendo revelados e perguntas surgindo para fazer a mente de quem está assistindo ferver até explodir. Mais uma vez os produtores da série souberam fazer bem o seu trabalho, até agora.

O enredo continua com a mesma dinâmica da primeira temporada, ou seja, ótimo. A única diferença é que teremos muito mais flashbacks com a vítima, Kate, afinal tem que ser justificado o dinheiro que deve ter sido pago para Jordana. E os personagens coadjuvantes são tão bons quanto os da primeira temporada. Aos poucos vemos seus mistérios sendo revelados. Cornell continua implacável como sempre, com sede de justiça. Os acontecimentos da primeira temporada, até agora, não afetaram seu modo de trabalho, mesmo tendo sido uma barra forte o que aconteceu. 

Eu e o Wesley desenvolvemos uma teoria sobre quem seria o assassino, mas só vou comentar ela aqui quando acabar a temporada, daqui a seis semanas, porém posso adiantar que é importante reparar nos olhos de todos os personagens. 

Essa foi a resenha de hoje. Não esqueçam de comentar o que estão achando da segunda temporada, ou mesmo da primeira, que terá seu último e derradeiro episódio exibido hoje, pela Globo. Sigam nossas redes sociais, está rolando um sorteio lá de um livro autografado. Compartilhem nossas resenhas e críticas com seus amigos, para que eles tenham várias sugestões de livros, filmes e séries para apreciar. E, por fim, inscrevam-se no nosso site para não perder nenhuma resenha. Até a próxima e não fiquem muito perto da beirada do terraço de um prédio alto.

Related posts

Resenha: Não Há Segunda Chance – Harlan Coben

Resenha: Não Há Segunda Chance - Harlan Coben


Resenha: Não Há Segunda Chance - Harlan Coben

"Não se tratava de nenhum herói que ele ia chamar. Muito pelo contrário, mas, afinal, tudo o que importava era sobreviver. Palavras bonitas e justificativas funcionavam em tempos de paz. Em tempo de guerra, em questões de vida ou morte, a coisa era mais simples: nós ou eles." Que "Harlan Coben"...

Crítica: Ex Machina – Instinto Artificial

Crítica: Ex Machina - Instinto Artificial


Crítica: Ex Machina - Instinto Artificial

Posso dizer que os 108 minutos que gastei assistindo Ex Machina: Instinto Artificial foram muito bem gastos. O filme é ótimo, tem efeitos visuais incríveis, um enredo que realmente prende a sua atenção e te faz pensar em como seria se não fosse uma ficção científica e, principalmente, o quão...

Resenha: Mais do Que Isso –  Patrick Ness

Resenha: Mais do Que Isso - Patrick Ness


Resenha: Mais do Que Isso - Patrick Ness

Mais do que isso virou um dos meus livros favoritos Depois do sucesso que foi Sete Minutos depois da Meia-noite, que ganhou até um filme, que atualmente está disponível na netflix, foi lançado agora no Brasil o livro Mais do Que Isso, Ambos escritos por Patrick Ness e lançados pela Editora Novo...

  • Marcia Toledo

    Estou adorando e como na 1a cada vez que tenho um palpite aparece outro…. mas acho que mais pra frente da para definir melhor