Título e Capa 4
Escrita / Enredo 2
Originalidade 3
Personagens 4
Final 1

Vortex é a sequência de Tempest, livro escrito por Julie Cross. Vou colocar a sinopse do livro aqui e depois falarei sobre ele Jackson Meyer agora é um agente secreto da Tempest, a misteriosa divisão da CIA responsável por oferecer proteção contra todas as ameaças relacionadas a viagens no tempo. Preso no passado após a ..

Summary 2.8 Bom
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

Resenha – Vortex – Julie Cross

Resenha do livro Vortex, de Julie CrossVortex é a sequência de Tempest, livro escrito por Julie Cross. Vou colocar a sinopse do livro aqui e depois falarei sobre ele

Jackson Meyer agora é um agente secreto da Tempest, a misteriosa divisão da CIA responsável por oferecer proteção contra todas as ameaças relacionadas a viagens no tempo. Preso no passado após a tentativa de salvar Holly, ele tenta apagá-la da sua vida para não colocá-la em perigo. Mas o Eyewall, um departamento rival da CIA, descobre sua antiga ligação com Holly, colocando novamente em risco a vida dos dois, assim como a de seus parceiros. Eles irão descobrir que a realidade em torno deles é muito diferente do que pensavam.

Estou com os sentimentos um tanto conflitantes em relação a esse livro, mais ou menos tão confusa quanto o Jackson se mostra ao longo da história. É provável que a confusão dele tenha me contagiado e não foi uma só vez que senti vontade de gritar pra autora escrever mais claramente.

Essa coisa de viagem no tempo realmente é algo muito louco e em diversos momentos – sinceridade total – eu me perdi muito na leitura. Não entendia o sentido das teorias apresentadas, me confundia, precisava reler a mesma página pra tentar compreender. Foi difícil de ler esse livro, não por ser um livro ruim, até porque ele é bom, faz a sua mente trabalhar a mil para tentar compreender tudo, mas você precisa de paciência. A leitura é rápida, porém pra você se perder nos acontecimentos é mais rápido ainda.

Não gostei do final, achei muito “E CONTINUA NO PRÓXIMO EPISÓDIO”, sendo que o começo desse próximo episódio, pelo menos para mim, é bem óbvio, mas não posso falar, porque pode ser spoiller. Poderia ter sido melhor. A autora poderia ter feito um final mais misterioso. Mas, vamos ver como será o próximo. Espero que ele seja mais claro do que esse foi. Tomara que a continuação seja melhor.

Não deixem de comentar em nossas resenhas e seguir o nosso site. Até a próxima.

Related posts

David Copperfield: O clássico dos clássicos?

David Copperfield: O clássico dos clássicos?


David Copperfield: O clássico dos clássicos?

******************************NÃO contém spoiler****************************** Editora: Cosac & Naify Autor: Charles Dickens / Idioma: Português / Romance de formação - Clássico inglês/ 1.312 páginas Charles Dickens é conhecido como o maior escritor da literatura inglesa e foi...

The Mad Ship (Os Mercadores de Navios-Vivos #2): Superou O Navio Arcano?

The Mad Ship (Os Mercadores de Navios-Vivos #2): Superou O Navio Arcano?


The Mad Ship (Os Mercadores de Navios-Vivos #2): Superou O Navio Arcano?

******************************NÃO contém spoiler****************************** (CONFIRA A RESENHA DE O NAVIO ARCANO CLICANDO AQUI) Editora: Harpervoyager Autora: Robin Hobb / Gênero: Fantasia / Idioma: Inglês / 915 páginas O que posso dizer sobre “The Mad Ship” (*O Navio Insano)? Melhor...

Wytches: A representação de um medo ancestral

Wytches: A representação de um medo ancestral


Wytches: A representação de um medo ancestral

******************************NÃO contém spoiler****************************** Editora: Darkside Books Autor: Scott Snyder / Ilustrador: Jock / Tradutor: Érico Assis / Gênero: Graphic Novel / 192 páginas / Capa dura Esqueça as mulheres assustadoras que voam em vassouras, que possuem...