Mundo das Resenhas
AURA NEGRA – RICHELLE MEAD AURA NEGRA – RICHELLE MEAD
No tumultuado mundo dos vampiros, todo cuidado é pouco, e o menor dos deslizes pode ser fatal. Rose Hathaway sabe disso, mas mesmo assim... AURA NEGRA – RICHELLE MEAD

No tumultuado mundo dos vampiros, todo cuidado é pouco, e o menor dos deslizes pode ser fatal. Rose Hathaway sabe disso, mas mesmo assim sempre consegue se meter em apuros. Depois das surpresas e reviravoltas de O beijo das sombras, ela terá que tomar decisões difíceis para salvar aqueles que ama, custe o que custar.Contra todas as expectativas, os Strigoi se organizaram e declararam guerra aos vampiros conhecidos como Moroi, caçando-os em suas próprias casas e alimentando-se de seu sangue para obter a imortalidade — tudo graças à ajuda dos humanos. Os guardiões, então, fazem uma grande mobilização para cumprir seu trabalho de proteger os Moroi, e vêm do mundo todo para a Escola São Vladimir para discutir possíveis estratégias de combate.Entre os que se reúnem ali, surge a própria mãe de Rose. O encontro da mãe com a filha, abandonada quando criança, traz antigos ressentimentos à tona. E, para complicar ainda mais as coisas, Dimitri, o instrutor e antigo amor de Rose, pode estar comprometido com outra pessoa. Não bastasse tudo isso, três de seus amigos deixam para trás a proteção dos guardiões para se aventurar num plano de vingança suicida contra os Strigoi. E Rose precisa salvá-los, principalmente porque é tudo culpa sua.Em Aura negra, Richelle Mead nos faz sentir na pele toda a tensão dos personagens diante do possível — e indesejável — encontro com os sanguinários Strigoi, mas também reserva um espaço muito especial para a magia, o amor e o sonho. Uma prova de que, a cada erro cometido, aparece também uma chance de se perdoar e seguir em frente, como faz Rose.

Segundo volume da série “Academia de Vampiros”.

SÉRIE DE LIVROS ACADEMIA DE VAMPIROS

  1. O BEIJO DAS SOMBRAS
  2. AURA NEGRA
  3. TOCADA PELAS SOMBRAS
  4. PROMESSA DE SANGUE
  5. LAÇOS DO ESPÍRITO
  6. ÚLTIMO SACRIFÍCIO

*Resenha pode conter alguns spoilers se você não leu o primeiro livro da série.

Acompanhamos, no final do primeiro livro, a reviravolta das personagens Rose e Lissa combatendo o vilão, Viktor Dashkov. Tudo parecia enfim estar se acertando. Lissa e Christian Ozera estão namorando, as garotas podem enfim se concentrar na escola e Viktor será julgado por seus atos.

Como estamos falando da vida de Rose Hathaway, que nunca é normal e fácil, já devíamos imaginar que coisas catastróficas aconteceriam, pois bem, logo no início da narrativa, ela e Dimitri, se deparam com um ataque totalmente surpreendente. Strigois, que se uniram a humanos, para quebrar as barreiras de proteção e aniquilar uma das famílias reais de Moroi.

“A cena hedionda era tão surreal que eu nem pude acreditar, de cara, no que eu estava vendo. Pelo jeito como estava deitada, a mulher podia muito bem estar dormindo. Então me deparei com o outro corpo: um homem deitado de lado a apenas alguns passos da mulher. Seu sangue escuro manchava o carpete ao redor. Um outro corpo estava caído ao lado do sofá: pequeno, um corpo de criança. Do outro lado da sala, havia mais um. E mais outro. Havia corpos em toda parte, corpos e sangue”.

Ainda abalada com o que presenciou, Rose tenta voltar a sua rotina de aulas e treinamento, mas, uma visita inesperada torna tudo ainda mais complicado para a garota. Sua mãe, Janine Hathaway, finalmente aparece na história e, honestamente, é muito interessante acompanhar a relação das duas que, ao mesmo tempo se amam, e se detestam.

“Uma mãe incrivelmente famosa e absurdamente ausente. Ela não era nenhum Arthur Schoen Berg, mas tinha de fato uma reputação estelar no mundo dos guardiões. Eu não a via há anos porque ela estava sempre fora concentrada em outra coisa”.

A vida de Rose não podia estar pior. Ela tem que lidar com a ausência de Lissa – já que essa passa mais tempo com o namorado, com as brigas constantes com sua mãe, com o afastamento de Dimitri e sua nova paquera, Natasha Ozera – tia de Christian, que visivelmente está interessada em namorá-lo.

Para a sorte da protagonista, a realeza Moroi decide levar os alunos para um resort, afinal, lá os guardiões poderão proteger os alunos de maneira mais eficiente. A história não podia seguir um rumo melhor, pois nesse cenário chique e cheio de dramas e descobertas, somos apresentados a reviravoltas de tirar o fôlego.

“A viagem para a estação de esqui não podia ter chegado em melhor hora. Era impossível tirar a história de Dimitri e Tasha da cabeça, mas, pelo menos, enquanto eu fazia a mala e me preparava para a viagem, não estava dedicando 100% da minha atividade cerebral a ele”.

Rose é, sem dúvida, uma personagem extremamente humana e carismática. Acompanhamos seu crescimento, amadurecimento e os defeitos que caracterizam pessoas comuns lidando com situações diárias.

Outros personagens também tornam a narrativa tão completa e viciante, como Dimitri, Lissa, Christian, Mason e Adrian – o vampiro charmoso, cínico e rebelde, que aparece na vida de Rosa e parece não deixá-la em paz.

 

Você também pode avaliar a obra, vote! .
0 / 5 Avaliações: 0 0

Your page rank:

Compartilhe
Share

Sthephanie Figueiredo

0 0 votos
Article Rating
Inscrever.
Notificação de:
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2 Comentários
Mais velho.
Mais novo. Mais votado.
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
trackback

[…] AURA NEGRA […]

trackback

[…] AURA NEGRA […]

Share
2
0
Adoraria ver seu comentário ♥x
()
x
%d blogueiros gostam disto: