Mundo das Resenhas
CRÍTICA – A CINCO PASSOS DE VOCÊ – JUSTIN BALDONI CRÍTICA – A CINCO PASSOS DE VOCÊ – JUSTIN BALDONI
Que filmes de dramas adolescentes fazem sucesso, já estamos carecas de saber. Até mesmo quando não gostamos do gênero, temos a curiosidade de compreender... CRÍTICA – A CINCO PASSOS DE VOCÊ – JUSTIN BALDONI

Que filmes de dramas adolescentes fazem sucesso, já estamos carecas de saber. Até mesmo quando não gostamos do gênero, temos a curiosidade de compreender a história e, assim, acabamos assistindo e tirando nossas próprias conclusões.

“A Cinco Passos de Você”, mais uma tragédia de amor adolescente, baseado no romance de mesmo nome da escritora Rachael Lippincot, nos apresenta a personagem Stella, Haley Lu Richardson, e Will Newman, Cole Sprouse, pacientes com fibrose cística – faz com que os pacientes produzam grande quantidade de muco, sucos digestivos e suor, atingindo o sistema respiratório e digestivo.

Enquanto Stella tenta manter-se ocupada, com o seu canal no Youtube, que explica sobre a fibrose e mostra a sua rotina, sua lista de afazeres, organizando os remédios e controlando tudo à sua volta, Will não se importa com nada. Sua fibrose é mais agressiva e ele está participando de um tratamento experimental, porém, não toma os medicamentos corretamente e não está seguindo as orientações médicas.

Por ser muito controladora, Stella acaba surtando quando percebe que Will não está seguindo o tratamento à risca e, por isso, se oferece para fazer o tratamento com ele. A partir daí os personagens ficam amigos e começam a desenvolver uma paixão bonita e pura.

Por não poderem se contaminar com as bactérias um do outro, os pacientes com fibrose não podem ficar a menos de seis passos de distância, assegurando a sua sobrevivência. Devido a essa medida de precaução, acompanhamos o profundo sofrimento do casal, que, mesmo apaixonados, não podem se tocar, se abraçar ou se beijar.

Stella e Will mantém contato o tempo todo, através do celular, computador e por vídeos chamadas. Quando se encontram, não podem ficar próximos, mas Stella descobre a solução para esse problema, “roubando” um passo da fibrose, o que dá o nome ao livro/filme.

Para quem gosta de filmes românticos dramáticos, eu recomendo. E quem ainda não assistiu, vale a experiência. Após assistirem, deixem a opinião nos comentários.

Você também pode avaliar a obra, vote! .
0 / 5 Avaliações: 0 0

Your page rank:

Compartilhe
Share

Sthephanie Figueiredo

0 0 votos
Article Rating
Inscrever.
Notificação de:
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Share
0
Adoraria ver seu comentário ♥x
()
x
%d blogueiros gostam disto: