Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 5

“Para as avós, para as que fazem o mundo andar para a frente, para as sonhadoras, para os homens que compreendem, para os jovens que continuam na luta, para as mais velhas que abriram caminho para as conversas que nunca terminam […]” “Os Homens Explicam Tudo Para Mim” da autora Renata Solnit, é um conjunto ..

Summary 5.0 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

Os Homens Explicam Tudo Para Mim: Me vejam como um aliado e não como um inimigo!

“Para as avós, para as que fazem o mundo andar para a frente, para as sonhadoras, para os homens que compreendem, para os jovens que continuam na luta, para as mais velhas que abriram caminho para as conversas que nunca terminam […]”

“Os Homens Explicam Tudo Para Mim” da autora Renata Solnit, é um conjunto de ensaios de cunho feminista que tem a intenção de abordar diversas facetas deste importante assunto; hoje muito em voga graças a ascensão deste importante movimento sócio-político, filosófico e ideológico.

Com uma escrita afiada, a autora vai expondo diversas situações recorrentes provenientes da asfixiação social, que tenta de todas as maneiras possíveis escravizar as mulheres através de imposições respaldadas por visões machistas sustentadas pela sociedade que é constantemente alienada pela mídia.

É importante frisar, que em nenhum momento a autora generaliza a visão feminista que foca na deturpação social dos homens, e em nenhum momento ela se vitimiza. Os ensaios claramente foram redigidos com a intenção de nos fazer refletir sobre os diversos absurdos que nos rondam. Seja narrando a famosa situação em que um homem tentou explicar algo a ela usando como reforço impositivo intelectual um determinado livro, sem saber que autora de determinada obra era a mulher a qual ele tentava rebaixar; até situações envolvendo a cultura do estupro que cresce em proporção tanto em adeptos quanto em vítimas.

Conforme Solnit:

“A violência é uma maneira de silenciar as pessoas, de negar-lhes a voz e a credibilidade, de afirmar que o direito de alguém de controlar vale mais do que o direito de alguém de existir, de viver. ”

“No mundo todo, as mulheres entre 15 e 44 anos de idade têm mais probabilidade de morrer ou serem mutiladas pela violência masculina do que por câncer, malária, guerras e acidentes de trânsito, tudo somado. ”

Livros como esse trazem à tona reflexões importantíssimas acerca dos conflitos de gênero bastante recorrentes. Esfrega em nossas caras situações que precisam mudar, mostrando que para isso, todos devemos caminhar juntos, para que o objetivo almejado seja alcançado. A luta a favor do feminismo nada tem a ver com a superioridade feminina sobre a masculina. É uma luta onde o foco é a igualdade de gênero. Os homens não têm o que temer e as mulheres não devem frisar que esta luta é (apenas) feminina e que os homens devem manter distância. Não nos (NÃO ME VEJAM) vejam como inimigos, nos vejam como possíveis aliados.  O espaço de fala é das mulheres, mas o espaço de luta é (deve ser) de todos. Vamos nos dar as mãos e lutar para que a cada dia que passe, todos entendam que a luta por igualdade é um passo que devemos dar todos os dias, para que um mundo mais justo seja construído e que ao final da jornada, possamos deitar na cama, colocarmos nossa cabeça no travesseiro e dormirmos em paz, sabendo que o mundo mudou para melhor e que nós fizemos parte desta mudança.

Compartilhe
Share

Related posts

Starters – Lissa Price: Vale a Pena a leitura? #12

Starters - Lissa Price: Vale a Pena a leitura? #12


Starters - Lissa Price: Vale a Pena a leitura? #12

STARTERS DE LISSA PRICE - FINAL DIGNO DE UM OSCAR Resenha postadas originalmente em: 07 de Janeiro de 2015. Em STARTERS, um míssil esporo varreu todos os cidadãos não vacinados e deixou apenas adolescentes e os muito velhos vivos. Os idosos são chamados de Enders, eles administram...

RESENHA – NASCIDA À MEIA NOITE – C.C. HUNTHER

RESENHA - NASCIDA À MEIA NOITE - C.C. HUNTHER


RESENHA - NASCIDA À MEIA NOITE - C.C. HUNTHER

“Kylie Galen está na pior. Seus pais vão se divorciar, seu namorado acaba de romper com ela e, uma noite depois de ser presa por estar na festa errada, com as pessoas erradas e na hora errada, sua mãe a manda para Shadow Falls -um acampamento para adolescentes problemáticos, localizado numa...

Macunaíma: O retrato cultural de uma nação

Macunaíma: O retrato cultural de uma nação


Macunaíma: O retrato cultural de uma nação

******************************NÃO contém spoiler****************************** Macunaíma: O Herói Sem Nenhum Caráter Autor: Mário de Andrade Editora: Penguin Companhia / Gênero: Clássicos brasileiros / Idioma: Português / 232 páginas Bordão do protagonista: "Ai que...

Leave a comment