Título e Capa 3
Escrita / Enredo 5
Originalidade 4
Personagens 5
Final 4

“Eu acho que o Belo Desastre se transformou em um Belo Casamento” Depois de ver esse romance conturbado pelos olhos de Abby em “Belo Desastre” e depois de ver esse mesmo romance conturbado pelos olhos de Travis, em “Desastre Iminente”, eis que surge o terceiro livro: “Belo Casamento”. E esse livro vai tratar de que? Bem, ..

Summary 4.2 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

Resenha – Belo Casamento – Jamie McGuire

“Eu acho que o Belo Desastre se transformou em um Belo Casamento”

belo casamento jamie mcguire
Depois de ver esse romance conturbado pelos olhos de Abby em “Belo Desastre” e depois de ver esse mesmo romance conturbado pelos olhos de Travis, em “Desastre Iminente”, eis que surge o terceiro livro: “Belo Casamento”.
E esse livro vai tratar de que? Bem, eu achei que se trataria do casamento deles. Momentos ao longo da vida como marido e mulher depois de passados alguns anos. Abby tendo os filhos, etc. Mas me enganei.

Na verdade, nesse volume o que temos é uma “volta no tempo”, para explicar melhor como foi o casamento relâmpago de Abby e Travis em Vegas, que foi algo que a autora não se aprofundou nos outros livros.
Por ser algo mais para “preencher” essa lacuna dos detalhes do casamento do casal desastre, a história é bem curtinha. O ebook que eu li tinha 109 páginas.

Sob a visão de qual dos dois a história é narrada? Pelo dos dois! Assim, a autora agrada a gregos e troianos.
Eu particularmente, prefiro a narração de Travis, é bem mais divertido ler o ponto de vista louco dele.
Não tenho críticas a fazer a respeito desse livro, se você já leu os dois primeiros e gostou, a chance de também gostar deste é grande.
Resenha curtinha para combinar com o livro. Haha!

Até a próxima pessoal!

Sinopse:

A louca e viciante história de amor de Travis e Abby foi narrada por ela em Belo desastre e por ele em Desastre iminente. Como num conto de fadas moderno, sabemos que eles se casaram e foram felizes para sempre… mas quanto realmente conhecemos dessa história?
Por que Abby fez o pedido de casamento?
Que confidências eles trocaram antes da cerimônia?
Onde passaram a noite de núpcias?
Quem sabia que eles iam se casar e guardou segredo?
Todos os detalhes sobre o casamento de Travis e Abby eram secretos… até agora. Os fãs do casal mais quente da literatura terão todas as suas perguntas respondidas nesta história vertiginosa sobre o dia (e a noite…) do casamento de Travis e Abby e o melhor, contada pelo ponto de vista dos dois!

RESENHA BELO CASAMENTO

Resenha do Livro Belo Casamento - por Jamie McGuire

Compartilhe
Share

Related posts

Starters – Lissa Price: Vale a Pena a leitura? #12

Starters - Lissa Price: Vale a Pena a leitura? #12


Starters - Lissa Price: Vale a Pena a leitura? #12

STARTERS DE LISSA PRICE - FINAL DIGNO DE UM OSCAR Resenha postadas originalmente em: 07 de Janeiro de 2015. Em STARTERS, um míssil esporo varreu todos os cidadãos não vacinados e deixou apenas adolescentes e os muito velhos vivos. Os idosos são chamados de Enders, eles administram...

RESENHA – NASCIDA À MEIA NOITE – C.C. HUNTHER

RESENHA - NASCIDA À MEIA NOITE - C.C. HUNTHER


RESENHA - NASCIDA À MEIA NOITE - C.C. HUNTHER

“Kylie Galen está na pior. Seus pais vão se divorciar, seu namorado acaba de romper com ela e, uma noite depois de ser presa por estar na festa errada, com as pessoas erradas e na hora errada, sua mãe a manda para Shadow Falls -um acampamento para adolescentes problemáticos, localizado numa...

Macunaíma: O retrato cultural de uma nação

Macunaíma: O retrato cultural de uma nação


Macunaíma: O retrato cultural de uma nação

******************************NÃO contém spoiler****************************** Macunaíma: O Herói Sem Nenhum Caráter Autor: Mário de Andrade Editora: Penguin Companhia / Gênero: Clássicos brasileiros / Idioma: Português / 232 páginas Bordão do protagonista: "Ai que...

Leave a comment