Título e Capa 4
Escrita / Enredo 4
Originalidade 5
Personagens 3
Final 4

“Sachico-san… Sachico-san… Sachico-san…” E foi aí que tudo deu errado em Corpse Party. Bem, vamos fazer algo diferente no blog. Sim, essa vai ser uma resenha de anime, ou o desenho japonês. Como esse anime não é muito conhecido, eu vou mostrar a sinopse aqui e depois eu vou partir para a resenha. “A história ..

Summary 4.0 Incrível
Título e Capa 3
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 3
Summary rating from 1 user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 4.2 Incrível

Resenha – Corpse Party – Tortured Souls

“Sachico-san… Sachico-san… Sachico-san…”

E foi aí que tudo deu errado em Corpse Party. Bem, vamos fazer algo diferente no blog. Sim, essa vai ser uma resenha de anime, ou o desenho japonês. Como esse anime não é muito conhecido, eu vou mostrar a sinopse aqui e depois eu vou partir para a resenha.

“A história passa-se na Escola Primária Celestial, uma escola que foi demolida após os assassinos e desaparecimentos de vários funcionários e alunos. Uma nova escola chamada Academia Kisaragi foi construída no mesmo lugar da Primária Celestial.

Uma noite, um grupo de alunos da Kisaragi decidiram contar histórias de fantasmas, quando um terramoto repentino mandou-os para outra dimensão onde a Escola Primária Celestial ainda existe e está assombrada pelos fantasmas das crianças assassinadas.

Então, estes terão de tentar encontrar uma forma de voltar ao seu mundo original e sobreviver às forças misteriosas que assombram a escola.”

Assim, eu vou dar um aviso. Se você que estiver lendo essa resenha, não gosta de ver coisa muito bizarras e/ou assustadoras, pare por aqui mesmo e não assista essa anime, porque a barra aqui é muito pesada. Mas se você quiser continuar, seja por sua conta e risco.

Há alguns meses atrás, um amigo meu me mostrou um vídeo, de uma cena de anime onde acontecia uma morte horrível, bem acima do que eu estou acostumado a ver em filmes, séries ou hqs. Algo bem digno da série “American Horror Story”. Eu não vou descrever a cena, até porque seria um spoiler grande. Mas o que eu posso dizer é que, eu tinha ficado chocado quando vi. Então perguntei para o meu amigo que anime era aquele. “Corpse Party”, ele falou. Eu ia assistir, mas fiquei sem tempo. Foi então que uma outra amiga minha me chamou para ver com ela. E que bom que ela fez isso, pois eu não sei se conseguiria ver isso sozinho.

Bem, a primícia do anime, no primeiro episódio parece ser bem simples, mas no segundo as coisa já vão se aprofundando, mostrando o real motivo de todas aquelas mortes acontecerem, e já que é coisa de japonês, tem que ser um pouquinho mais bizarro do que o normal. Foi um anime que aumentou o meu medo de simpatias, magias e até mesmo o “jogo do compasso”.

Não tem muito o que falar sobre esse anime, até porque são apenas quatro episódios, algo em torno de uma hora e meia para ver tudo, mas vale a pena esse tempo, se você gosta de algo sobrenatural.

Considerações finais

Corpse Party não é para qualquer um. Sério. Esse anime eu não recomendo para as seguintes pessoas: pessoas com problemas cardíacos, que não aguentam ver sangue ou mutilações, que não gostam de fantasmas, que não gostam de torturas e que não gostam de ver crianças morrendo de uma forma totalmente horrível. Eu vi apenas por causa da história, que é legalzinha. Mas se você quer se aventurar, eu não recomendo assistir de madrugada. Assista um pouco mais cedo, de dia, de preferência. E talvez você tenha que assistir algo mais leve depois, pra ver se não traumatiza com o anime. Se eu não estou enganado, existe um jogo, no qual o anime foi baseado. Talvez algum dia eu tente encarar esse jogo e fazer a resenha dele.

Bem, acho que é isso. Até a próxima resenha.

Corpse Party: Tortured Souls

 

 

modelo-novo-postagem-site-corpse-party

Compartilhe
Share

Related posts

CRÍTICA – LABIRINTO VERDE 1ª TEMPORADA

CRÍTICA - LABIRINTO VERDE 1ª TEMPORADA


CRÍTICA - LABIRINTO VERDE 1ª TEMPORADA

Imagine morar numa pequena cidadezinha onde não há sinal de GPS, telefones que funcionem direito e com uma internet que não é das melhores. Onde uma família poderosa domina as principais fontes de renda, a prefeitura e a maioria das pessoas e, para piorar, com um grande índice de assassinatos e...

3%  Terceira Temporada (Série original Netflix)

3% Terceira Temporada (Série original Netflix)


3% Terceira Temporada (Série original Netflix)

Quem diria, minha gente, que uma série brasuca seria tão bem falada mundialmente? Pelo menos foi na primeira e segunda temporada. Me parece que nessa terceira temporada os ânimos de alguns canais e noticias não estão tão empolgados. Mas na minha opinião a terceira temporada veio num ritmo...

CRÍTICA – RIVERDALE 3ª TEMPORADA – ROBERTO SACASA E GREG BERLANTI

CRÍTICA - RIVERDALE 3ª TEMPORADA - ROBERTO SACASA E GREG BERLANTI


CRÍTICA - RIVERDALE 3ª TEMPORADA - ROBERTO SACASA E GREG BERLANTI

Que Riverdale nunca fica em paz, isso já percebemos desde a 1ª temporada, mas agora, além de todas as tramas envolvendo os vilões Hiram Lodge, Hermione Lodge, Penelope Blossom, Claudius Blossom, Hal Cooper, Penny Peabody e as Irmãs silenciosas, ainda há novos personagens e situações que...

Leave a comment