Bordados: A narrativa “intimista”, feminista e necessária de Marjane Satrapi.

(CONFIRA A RESENHA DE “PERSÉPOLIS” CLICANDO AQUI) *** “Não nascemos corajosas, nos tornamos.” A libertação empregada na narrativa intimista construída por Marjane Satrapi em “Bordados” é de deixar qualquer um no mínimo surpreso. Diferente do que encontramos em “Persépolis”, “Bordados” é algo íntimo, dentro de um contexto narrativo limitado, onde experiências sexuais são compartilhadas. Não me

Read more
Persépolis: “A HQ que ensina e abre os nossos olhos selados pela mídia.”

******************************NÃO contém spoiler****************************** É muito fácil e muito mais cômodo julgarmos os outros do que tentarmos entender suas realidades. A empatia é algo fácil de se defender, mas para muitos, muito difícil de ser colocada em prática. Toda essa resistência na desconstrução do pensamento sócio histórico, é resultado da engenharia do consenso, que nada mais

Read more