Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 5

******************************NÃO contém spoiler****************************** Autor / Autora: Guilherme del Toro & Cornélia Funke Editora: Intrínseca / Idioma: Português / Tradutora: Bruna Beber / Gênero: Fantasia / 320 páginas Mesclando fantasia e realidade, O Labirinto do Fauno, a adaptação literária do clássico e mais que elogiada obra cinematográfica de Guilherme del Toro, tem o desafio de transpor ..

Summary 5.0 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

O Labirinto do Fauno: A Inocência tem um poder que o mal desconhece.

******************************NÃO contém spoiler******************************

Autor / Autora: Guilherme del Toro & Cornélia Funke

Editora: Intrínseca / Idioma: Português / Tradutora: Bruna Beber / Gênero: Fantasia / 320 páginas

Mesclando fantasia e realidade, O Labirinto do Fauno, a adaptação literária do clássico e mais que elogiada obra cinematográfica de Guilherme del Toro, tem o desafio de transpor em palavras toda a mágica do aclamado filme, alimentando a imaginação do leitor, nos encantando e nos levando a um realismo mágico crítico capaz de trazer a tona as crianças que fomos um dia. Um desafio nada fácil, mesmo para uma autora de talento inquestionável como Cornélia Funke.

Nos agraciando com um contexto histórico bem introduzido e estruturado, a autora cria um conto de fadas apaixonante, sempre respeitando a obra original e não distanciando os universos do cinema e da literatura. Dois mundos que se unem e se complementam em uma trama fantástica e mais que imersiva. Como seria se durante a guerra civil da Espanha (1936 – 1939) uma garotinha descobrisse um mundo paralelo cuja princesa de fabuloso lugar fosse ela? Brincando com o poder da inocência e instigando o senso crítico do leitor, Funke apresenta de forma delicada e ao mesmo tempo feroz uma narrativa completa que vai de momentos sensíveis – inerentes a imaginação de uma criança – até momentos tensos e bem descritos de violência desproposital  (no sentido nonsense e humano da palavra). A obra é um quebra-cabeça narrativo repleto de mistérios impossíveis de serem lidos sem nos apaixonarmos pelos mesmos como se ainda fôssemos crianças. Afinal de contas, que criança nunca sonhou em embarcar em uma aventura como essa?

O Labirinto do Fauno vai muito além do realismo mágico. A obra tem a capacidade de criar elos emotivos tanto com um público mais infantil quanto com um público mais maduro; já que trata e apresenta temas complexos que talvez uma criança não capte com tanta facilidade. A escrita é simples, sem muitos floreios e descrições excessivas. Os personagens são cativantes e todo o cerne do plot principal nos vicia, o que torna quase impossível interrompermos a leitura até lermos a última página. E se pensa que por ter assistido ao filme a leitura da obra será entediante, engana-se! Cornélia Funke é uma contadora de histórias fabulosa.

“Porque é na dor … a voz do padre ainda ressoava em sua cabeça … que encontramos o sentido da vida e reencontramos o estado de graça que perdemos ao nascer.”

Tanto o filme quanto o livro provam o poder da fantasia em seu estado lapidado. Sendo poético, mágico e político; com discursos narrativos bem equilibrados e com críticas atemporais. O Labirinto do Fauno é uma obra que prova com excelência que a inocência tem um poder que o mal desconhece.

 

Compartilhe
Share

Related posts

O Fim da Infância: O que nos torna humanos?

O Fim da Infância: O que nos torna humanos?

******************************NÃO contém spoiler****************************** Autor: Arthur C. Clarke Editora: Aleph / Gênero: Ficção-Científica / Idioma: português / 320 páginas Idealizado no início dos anos 50 e publicado em 1953, "O Fim da Infância", o romance tido como o livro menos...

CORTE DE ESPINHOS E ROSAS – SARAH J. MAAS

CORTE DE ESPINHOS E ROSAS - SARAH J. MAAS

Ela roubou uma vida. Agora deve pagar com o coração. Nesse misto de A Bela e A Fera e Game of Thrones, Sarah J. Maas cria um universo repleto de ação, intrigas e romance. Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de...

Mulheres, Raça e Classe: E eu não sou uma Mulher?

Mulheres, Raça e Classe: E eu não sou uma Mulher?

Autora: Angela Davis Editora: Boitempo / Gênero: História / Idioma: Português / 248 páginas *** CONFIRA TAMBÉM AS RESENHAS ABAIXO: VOX: A ÁRDUA MISSÃO DE SER MULHER! O CONTO DA AIA: O ROMANCE CRUEL DA LITERATURA CANADENSE. OS HOMENS EXPLICAM TUDO PARA MIM: ME VEJAM COMO UM ALIADO E...

Leave a comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.