Mundo das Resenhas
A Musa dos Pesadelos (Um Estranho Sonhador #02) | Laini Taylor A Musa dos Pesadelos (Um Estranho Sonhador #02) | Laini Taylor
5
*****************************NÃO contém spoiler******************************* CONFIRA  A RESENHA DA TRILOGIA FEITA DE FUMAÇA & OSSO CLICANDO AQUI CONFIRA A RESENHA DE UM ESTRANHO SONHADOR CLICANDO AQUI... A Musa dos Pesadelos (Um Estranho Sonhador #02) | Laini Taylor 5

*****************************NÃO contém spoiler*******************************

CONFIRA  A RESENHA DA TRILOGIA FEITA DE FUMAÇA & OSSO CLICANDO AQUI

CONFIRA A RESENHA DE UM ESTRANHO SONHADOR CLICANDO AQUI

Autora: Laini Taylor

Editora: Universo dos Livros / Gênero: Fantasia YA / Idioma: Português / 522 páginas

Um serafim gigante feito de um misterioso metal pairando sobre uma amedrontada cidade. Um grupo de jovens liderado por uma vingativa criança que deseja eliminar aqueles que embaixo estão. Um estranho sonhador possuidor de um misterioso poder, duas enigmáticas irmãs, fantasmas, um passado a ser explorado e um futuro a se construir. Em Lamento, inimigos podem ser sua salvação e amigos sua ruína… cada movimento, cada decisão ou atitude colocada em prática pode selar o destino de muitos. Mais mistérios a serem solucionados, muitas respostas entregues e um desfecho que nos faz surtar ao mesmo tempo que indagamos ao lermos a última frase; o que virá agora?

Esperava muito do segundo e último volume da duologia Um Estranho Sonhador; e é com sorriso no rosto e com extrema satisfação que digo que A Musa dos Pesadelos supriu com êxito minhas expectativas. Tão lírica e bela quanto o primeiro, a aguardada conclusão se aprofunda no passado de personagens chaves, nos fazendo entender de forma ainda mais palpável suas motivações, medos  e desejos. Mesclando passado e presente, Laini Taylor expande sua mitologia de forrma muito mais que satisfatória, ligando os pontos e entregando conexões excelentes com o universo de Feita de Fumaça & Osso. As diversas referências, citações e suposições, fizeram com que eu me apegasse e amasse ainda mais esta fabulosa duologia. Mas você precisa ler a trilogia mencionada para entender Um Estranho Sonhador? Não se preocupe, os dois livros que compõem a mais nova dupla fantástica da autora, se sustentam sozinhos e não tratam-se de uma continuação do universo dos anjos e quimeras presentes na “trilogia antecessora”. Contudo, referências existem e podem te despertar sentimentos nostálgicos e sorrisos involuntários se você já tiver lido os livros supracitados.

A escrita é fabulosa, os personagens tridimensionais, e citações metafóricas e momentos de pura adrenalina e emoção fazem parte desta jornada onde sonhos se tornam realidade e onde pesadelos são controlados. Tanto o primeiro quanto este segundo não são livros repletos de cenas de ação desenfreadas. Tratam-se de romances onde o foco são os personagens e os sentimentos que os movem. tratam-se de histórias de vingança, amizade, amor, esperança e redenção. São livros em que a poesia toma forma ao ponto de nos envolver como casulos envolvem as mariposas em seus estados brutos. Instigam, emocionam, assustam e deixam sensações conflituosas quanto aos caminhos narrativos que a autora nos entrega. Amei e odiei os personagens com tanta intensidade, que em certos momentos me senti constrangido com minhas ebulições emocionais. Sem vergonha de admitir, chorei enquanto lia os últimos cápitulos e me senti liberto ao deixar as lágrimas fluírem.

Se nunca leu Laini Taylor, não perca mais tempo. A emoção te aguarda, os personagens te esperam e o mundo de anjos, quimeras, deuses, romances proibidos e sonhos e pesadelos irão te conquistar. O mundo de Um Estranho Sonhador é esquisito, imaginativo, um excelente lugar para ser explorado e o lar de jovens que nunca desistem de seus sonhos. Um lugar de pessoas que entre guerras e inseguranças, nunca deixam de acreditar que em algum lugar por aí, existe um local para chamarem de seu. Que eu durma e que meus sonhos tomem forma de maneira visceral, me deixando extasiado, assim como foi minha jornada lendo A Musa dos Pesadelos. Um livro que indico até dormindo… sonhar é uma dádiva e ler Laini Taylor é um prazer inexplicável.

Compartilhe
Share

Fernando Lafaiete

O que vocês devem saber sobre mim? Me Chamo Fernando Henrique Lafaiete, mas vocês podem me chamar de China. Apelido este, dado pelos meus melhores amigos. Sou viciado em leitura, sou poliglota, auditor de hotel, professor de inglês, fã de fantasia, fã de livros policiais, fã de YA, fã terror e fã de clássicos. Luto ao máximo contra o preconceito literário que alimenta a conduta dos pseudo-intelectuais e sou fã de animes e qualquer coisa que envolva super-heróis. Amo escrever todo tipo de texto, em especial resenhas. Espero que minhas opiniões sejam de alguma valia para todos que tiverem acesso as mesmas. Sou sempre sincero e me comprometo a dividir minhas opiniões da maneira mais verdadeira possível. Agradeço o convite para fazer parte do grupo de resenhistas do site e que minha presença aqui seja duradoura.

No comments so far.

Be first to leave comment below.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share
%d blogueiros gostam disto: