Título e Capa 5
Escrita / Enredo 5
Originalidade 5
Personagens 5
Final 5

******************************NÃO contém spoiler****************************** Por mais que neguem ou que tentem enveredar os telespectadores para outros caminhos perceptivos, é evidente que Irmandade – a série brasileira da Netflix – se baseia na criação do PCC (Primeiro Comando da Capital), uma das mais famosas e perigosas organizações criminosas do Brasil. Desenvolvida em 1994, a trama gira em ..

Summary 5.0 Incrível
Título e Capa 0
Escrita / Enredo 0
Originalidade 0
Personagens 0
Final 0
Summary rating from user's marks. You can set own marks for this article - just click on stars above and press "Accept".
Accept
Summary 0.0 Ruim

Irmandade (Netflix): O que achei da série tida como o PCC da Netflix?

******************************NÃO contém spoiler******************************

Por mais que neguem ou que tentem enveredar os telespectadores para outros caminhos perceptivos, é evidente que Irmandade – a série brasileira da Netflix – se baseia na criação do PCC (Primeiro Comando da Capital), uma das mais famosas e perigosas organizações criminosas do Brasil. Desenvolvida em 1994, a trama gira em torno de Cristina (Naruna Costa), uma advogada que se vê realizando um trabalho duplo que a coloca dentro da organização criminosa denominada de Irmandade. Infiltrada e sendo irmã do chefe do crime, a advogada tem a oportunidade de ajudar a polícia em suas operações para acabar com o crime organizado. Diante de dilemas morais e éticos, a personagem se vê diante de um impasse. O que deve ser considerado certo e errado?

Com diversas referências históricas que levam muitos a irem na contramão de Pedro Morelli – o criador, roteirista e diretor da série – (que afirma não ter se inspirado na organização criminosa da vida real),  Irmandade se consagra ao meu ver como uma das melhores séries da famosa de streaming; deixando claro desde o início as razões de ser considerada o PCC da Netflix. Gravada em um setor desativado da penitenciária Estadual de Piraquara, nos entornos de Curitiba – Paraná; a mesma mescla cenas reais com as da ficção, colocando os atores em contato direto com o mundo penitenciário. A série tem a capacidade de mexer com nossas emoções e nos fazer torcer por aqueles que não deveríamos apoiar (levando em consideração a ética social do mundo em que vivemos). O que nos aproxima dos personagens, nos fazendo entender suas motivações (por mais absurdo que possa parecer). Assim como Cristina, a série nos faz questionamos a respeito do que é certo e o que é errado, nos colocando diante da questão… Qual o sentido de justiça em um país onde a mesma parece não existir?

Com atuações magistrais que chegam a assustar tamanho a entrega dos atores, fundida com uma direção meticulosa, Irmandade é o tipo de série que vicia. Com episódios repletos de cenas tensas e com excelentes ganchos nos finais, se torna impossível não emendarmos um episódio no outro até terminarmos de vê-la. Seu Jorge como um dos protagonistas me surpreendeu e seu talento me conquistou de forma que já me considero um grande fã dele. Como alguém que adora a série americana OZ, e que cresceu assistindo Carandiru e Cidade de Deus, posso afirmar que Irmandade veio para aplacar a saudade que  eu estava de produções com essas pegadas mais pesadas e focadas em temas como o mundo do crime e seus dilemas. Não tenho duvidas que Irmandade é uma série que veio para incomodar, chocar e nos fazer refletir sobre nossa sociedade, sobre nossas atitudes e acima de tudo sobre o que realmente devemos considerar como justiça. Afinal de contas, a justiça é cega e as vezes ela pode estar errada. Tudo depende de que lado estamos.

Compartilhe
Share

Related posts

Hi Score Girl

Hi Score Girl

Imagine uma série onde tudo se baseia-se em vola dos games de arcades, ainda melhor, os games de arcades nos anos 90, onde estilo de lutas tomavam conta de tudo. Essa obra no qual estou falando, e que no qual na minha memória existia já uma crítica desse anime ainda na primeira temporada, que me...

Olhos de ressaca russos – Lolita de Vladimir Nabokov

Olhos de ressaca russos - Lolita de Vladimir Nabokov

CONFIRA TAMBÉM A RESENHA DE DOM CASMURRO CLICANDO AQUI *** A produção literária sempre esteve atrelada a história da civilização humana como forma de manifestação cultural e perpetuação de conhecimentos. Com o passar dos séculos, foi lapidada e aperfeiçoada para representar, por meio das...

RESENHA: O NOME DA ROSA – UMBERTO ECO

RESENHA: O NOME DA ROSA - UMBERTO ECO

O Nome da Rosa é o primeiro romance escrito pelo italiano Umberto Eco e publicado em 1980. Muito aclamado pela crítica (e com razão), o romance conta a história do monge Adso de Melk que acompanha o seu mestre Guilherme de Baskerville na resolução de um mistério. Umberto Eco retrata a história...

Leave a comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.