Mundo das Resenhas
Cidade Invisível (1ª Temporada) – Netflix | Monteiro Lobato estaria orgulhoso. Cidade Invisível (1ª Temporada) – Netflix | Monteiro Lobato estaria orgulhoso.
4
*******************************NÃO contém spoiler******************************* Seria Cidade Invisível como citado em uma reportagem do site UOL o Sítio do Pica-Pau Amarelo para adultos? Baseada em uma... Cidade Invisível (1ª Temporada) – Netflix | Monteiro Lobato estaria orgulhoso.

*******************************NÃO contém spoiler*******************************

Cidade Invisível (1ª Temporada) - Netflix | Monteiro Lobato estaria orgulhoso.Seria Cidade Invisível como citado em uma reportagem do site UOL o Sítio do Pica-Pau Amarelo para adultos? Baseada em uma história co-desenvolvida pelos escritores Raphael Draccon e Carolina Múnhoz, o mais novo sucesso da Netflix navega pela trama policial abordando o folclore brasileiro e trazendo à vida personagens que marcaram a infância de muitos graças ao escritor Monteiro Lobato. De forma inteligente, acompanhamos o policial Eric na intensa investigação da morte de sua esposa enquanto se envolve em um submundo em que criaturas mitológicas tomam vida e vivem à margem da sociedade.

Protagonizada pelo ator Marcos Pigossi, Cidade Invísivel nos mostra a versatilidade da líder dos streaming entregando aos telespectadores um roteiro instigante, muito brasileiro e com atuações e um desenvolvimento que nos fazem devorar a série. Os famosos personagens são bem inseridos e a forma como suas lendas são desenvolvidas sofrem poucas alterações (se tivermos como base as lendas originais), sem perder suas essências e profundidades, transformando a série em uma narrativa que vai muito além do nosso folclore.

Pra quem aprecia uma boa história de fantasia em que a magia parece não ter limites, Cidade Invisível é uma boa escolha para passar o tempo e se eventurar em uma trama divertida e obscura. Os episódios são bem dirigidos e as lendas escolhidas funcionam bem, nos deixando ansiosos para as demais que poderão ser abordadas na já confirmada segunda temporada. Os personagens são bem incorporados pelos atores escolhidos, o que atenua um pouco a polêmica da não escalação de atores indígenas para a interpretação das icônicas entidades.

Temas importantes e que nunca perdem suas relevâncias, como negligência parental, fé e questões ambientações, enriquecem a narrativa e colaboram para que que muito mais do que apenas uma aventura fantasiosa, Cidade Invisível se consagre como uma história perfeita que nos dá a oportunidade de refletirmos sobre questões que fazem parte de nossa realidade, e que está além da tela que nos separa da ficção apresentada. Muito mais do que o Sítio do Pica-Pau Amarelo para adultos, a série em que Carlos Saldanha exerce a função de showrunner vai fundo no debate sobre ambição capitalista versus anscestralidade, nos entregando uma trama rica em seu cerne e nos pilares que a sustenta.

Contudo, a série em questão sofre alguns pequenos deslizes narrativos quanto as obviedades e clichês de tramas policiais, mas não perde a graça por conta da fantasia regional que são nostálgicas e realmente mágicas. Divertem, sobem um degrau se comparada com as aventuras infantis de Lobato e  encantam pelas interações dos atores e caminhos escolhidos pelos roteiristas. O sucesso é justificável  e mesmo que alguns possam torcer o nariz ao se depararem com algumas abordagens escolhidas, é inegável que Cidade Invisível possui tudo para se tornar o que se tornou, um sucesso mundial, que valoriza nossa cultura e que mostra que para fazer sucesso não precisamos navegar nas culturas alheias.

Você também pode avaliar a obra, vote! .
0 / 5 Avaliações: 0 0

Your page rank:

Compartilhe
Share

Fernando Lafaiete

O que vocês devem saber sobre mim? Me Chamo Fernando Henrique Lafaiete, mas vocês podem me chamar de China. Apelido este, dado pelos meus melhores amigos. Sou viciado em leitura, sou poliglota, auditor de hotel, professor de inglês, fã de fantasia, fã de livros policiais, fã de YA, fã terror e fã de clássicos. Luto ao máximo contra o preconceito literário que alimenta a conduta dos pseudo-intelectuais e sou fã de animes e qualquer coisa que envolva super-heróis. Amo escrever todo tipo de texto, em especial resenhas. Espero que minhas opiniões sejam de alguma valia para todos que tiverem acesso as mesmas. Sou sempre sincero e me comprometo a dividir minhas opiniões da maneira mais verdadeira possível. Agradeço o convite para fazer parte do grupo de resenhistas do site e que minha presença aqui seja duradoura.

0 0 votos
Article Rating
Inscrever.
Notificação de:
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Share
0
Adoraria ver seu comentário ♥x
()
x
%d blogueiros gostam disto: