Mundo das Resenhas
Crítica: O Inocente – Mais uma minissérie de Harlan Coben na Netflix Crítica: O Inocente – Mais uma minissérie de Harlan Coben na Netflix
4.5
Crítica: o Inocente – Minissérie de Harlan Coben na Netflix O Inocente chegou Na Netflix dia 30 de Abril, e nós trazemos aqui pra... Crítica: O Inocente – Mais uma minissérie de Harlan Coben na Netflix

Crítica: o Inocente – Minissérie de Harlan Coben na Netflix

O Inocente chegou Na Netflix dia 30 de Abril, e nós trazemos aqui pra vocês a crítica dessa minissérie. A nova Minissérie Netflix é Baseada no livro de mesmo nome do queridinho aqui do mundo das resenhas: Harlan Coben.

Você também pode ler: Resenha do Livro O Inocente de Harlan Coben

Crítica: O Inocente - Minissérie de Harlan Coben na Netflix, CAPA NETFLIX O INOCENTE - MINISSERIE HARLAN COBENSinopse Netflix: Uma morte acidental lança um homem em uma espiral de intrigas e assassinato. Ele encontra o amor e recupera a liberdade, mas um telefonema traz de volta o seu passado.

 

CRÍTICA: O INOCENTE – MINISSÉRIE NETFLIX – ADAPTADA DO LIVRO DE HARLAN COBEN

Olá, pessoal, hoje estamos aqui com mais uma resenha crítica de uma minissérie baseada em um livro do Harlan Coben que está na Netflix.

A minissérie foi produzida na Espanha, então os personagens adaptados do livro tiveram seus nomes mantidos em espanhol, tanto quanto a ambientação é espanhola. O que muda dos livros, mas isso não faz com que a série seja ruim, muito pelo contrário, a série foi muito bem adaptada e segue o mesmo enredo que temos no livro.

Claro que não teremos todos os detalhes que tivemos no livro, seria impossível refletir totalmente o que foi escrito, pois tiraria a magia que uma série (minissérie) propõe.

Na minissérie O Inocente, temos basicamente o mesmo enredo que tivemos no livro: Mateo Vidal (Mario Casas) é preso por matar outro jovem em uma briga, na qual Mateo o empurra e ele cai com a cabeça em uma pedra.

Após cumprir sua sentença, ele constrói uma nova vida, com a ajuda de seu irmão, se casa com Olívia Costa (Aura Garrido).

Mas sua vida não é um mar de rosas, pois enquanto ele está preso, seus pais morrem em um acidente de carro; seu irmão morre algum tempo depois que ele sai da cadeira, e o pior de todos seus pesadelos começa quando ele recebe alguns vídeos que indicam que a esposa dele está o traindo.

Eu matatonei essa minissérie de ontem pra hoje de manhã, eu pretendia assisti-la em duas partes, mas o enredo é tão envolvente, que quando percebi, já estava no sétimo episódio.

Mesmo já lido o livro na qual a minissérie foi baseada, não consegui deixar de me envolver, pois já fazia algum tempo que o tinha lido e as mudanças sutis que a série tem comparada ao livro, me fizeram ficar entretido com a trama.

Mais uma vez, temos o privilégio de podermos assistir uma adaptação fiel, e bem elaborada das obras do Mestre das Noites em Claro. E Dessa vez temos Oriol Paulo nos trazendo essa maravilha.

Uma detalhe extremamente positivo da série que me fizeram adorar, acredito que todos vão gostar, é o fato de a série colocar sempre um personagem “novo” na trama e apresentá-lo contando um pouco sobre ele e sobre a sua vida. Sempre que um personagem se torna relevante, ele tem uma espécie de ficha da vida dele e dos principais atos que o ligam à trama. Tenho que parabenizar Oriol Paulo e sua equipe, por nos trazer uma forma tão sútil e fácil de apresentar um personagem.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Apesar de ser uma minissérie envolvente, com várias subtramas que vão se interligando no decorrer da série, antes mesmo de chegarmos ao final da série, sabemos quem fez todo caos na vida de Mateo e Olivia.

Mesmo para uma pessoa que não tenha lido o livro, ficou fácil desvendar parte do mistério e intrigas que envolvem o protagonista.

Enfim, mesmo com esse detalhe negativo, a minissérie O Inocente com certeza foi mais uma excelente adaptação e podemos assisti-la em poucas horas e depois agradecermos por mais uma ótimo título na Netflix.

Você também pode avaliar a obra, vote! .
0 / 5 Avaliações: 4.67 3

Your page rank:

Compartilhe
Share

Wesley

Formado em Letras, fascinado pelos livros de Harlan Coben e também escreveu alguns livros, como Sobrevientes do Apocalipse, A Porta Oculta e Sete Almas

5 1 vote
Article Rating
Inscrever.
Notificação de:
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário
Mais velho.
Mais novo. Mais votado.
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
trackback

[…] Crítica: O Inocente – Mais uma minissérie de Harlan Coben na Netflix 1 de maio de 2021 […]

Share
1
0
Adoraria ver seu comentário ♥x
()
x
%d blogueiros gostam disto: